quinta, 13 maio 2021
sábado, 02 janeiro 2021 00:02

Incêndio deflagra na Igreja da Sé de Elvas

Escrito por
O sacerdote salientou que “terá sido a vela que caiu, puxando fogo ao Presépio” O sacerdote salientou que “terá sido a vela que caiu, puxando fogo ao Presépio” Rádio Elvas
Passavam apenas três minutos das 20 horas desta sexta-feira, dia 1 de Janeiro, quando foi dado o alerta para um incêndio que deflagrou no interior da Igreja da Sé de Elvas.
 
Em declarações à comunicação social, o Padre Ricardo Lameira afirmou que as chamas iniciaram-se no Presépio, que tinha “ao lado a luz de Belém”.
 
Ao jornal “Linhas de Elvas”, o sacerdote salientou que “terá sido a vela que caiu, puxando fogo ao Presépio”.
 
Ainda ao semanário elvense, o Padre Ricardo Lameira referiu que o incêndio, rapidamente dominado pelos elementos dos Bombeiros Voluntários de Elvas, acabou por consumir “as envolventes do Presépio”, nomeadamente “a cortiça”, e “um pouco das madeiras fracas das imagens de São José e Nossa Senhora”, que vão agora ser “limpas e restauradas”.
 
Ao que o Ardina do Alentejo conseguiu apurar, o alerta para este incêndio, que não provocou quaisquer danos pessoais, foi dado pelo sistema de alarme contra incêndios que a antiga Sé elvense possui.
 
Para o local foram mobilizados 12 operacionais e seis viaturas dos Bombeiros Voluntários de Elvas, para além de vários elementos da Esquadra de Elvas da Polícia de Segurança Pública (PSP) e da Câmara Municipal de Elvas.
Modificado em sábado, 02 janeiro 2021 12:10

Deixe um comentário