sábado, 25 setembro 2021
quinta, 22 julho 2021 16:48

Prisão preventiva para autor de atropelamento em Reguengos de Monsaraz

Escrito por
O advogado do detido acaba de confirmar a medida de coação aplicada O advogado do detido acaba de confirmar a medida de coação aplicada DR

Durante a tarde de hoje, quinta-feira, 22 de Julho, foi presente a primeiro interrogatório judicial, o homem que na noite da passada sexta-feira atropelou três pessoas junto da esplanada de um bar de Reguengos de Monsaraz.
 
O juíz do Tribunal de Instrução Criminal (TIC) de Évora que ouviu o autor do atropelamento decidiu aplicar a medida de coação mais gravosa, prisão preventiva, tendo o indivíduo sido encaminhado para o Estabelecimento Prisional de Beja.
 
Em declarações à Lusa, o advogado do homem, Fábio Palhas, indicou que o seu cliente foi "indiciado de dois crimes de homicídio qualificado na forma tentada".
 
Segundo o que foi adiantado pela TDS - Televisão do Sul, durante o interrogatório, estiveram junto ao Departamento de Investigação e Acção Penal (DIAP) de Évora, dezenas de pessoas, entre amigos e familiares, do homem que se entregou ontem, quarta-feira, nas instalações da Unidade Local de Investigação Criminal (ULIC) de Évora da Polícia Judiciária (PJ), onde pernoitou.
Modificado em quinta, 22 julho 2021 22:31

Deixe um comentário