quinta, 28 janeiro 2021
segunda, 09 novembro 2020 14:24

Vila Viçosa - Detidos em flagrante delito por furto de cabos de cobre

Escrito por
Os detidos serão presentes amanhã, dia 10 de Novembro, ao Tribunal Judicial de Redondo Os detidos serão presentes amanhã, dia 10 de Novembro, ao Tribunal Judicial de Redondo DR
Através do Núcleo de Investigação Criminal (NIC) de Reguengos de Monsaraz, o Comando Territorial de Évora da Guarda Nacional Republicana (GNR), deteve em flagrante delito, ontem, dia 8 de Novembro, dois homens, de 26 e 28 anos, por furto de cabos de cobre, na freguesia de Pardais, no concelho de Vila Viçosa.
 
Segundo a força de segurança, “no âmbito de uma investigação por furto de metais não preciosos, os militares apuraram que os suspeitos furtavam cabos de cobre que faziam parte da rede de telecomunicações que serviam vários concelhos. Após a realização de diligências policiais, os indivíduos foram detidos em flagrante delito quando se encontravam a furtar novamente várias dezenas de metros de cabos usados nestas redes”.
 
Segundo nota enviada às redacções, a GNR informa que “no total foram apreendidos 200 metros de cabo cortado e já preparado para ser carregado, ferramentas de corte, luvas e um veículo”.
 
Após a população ter alertado que tinham ficado sem acesso à Internet, TV e telefone, a Junta de Freguesia de Pardais informou a Altice-MEO, que por sua vez entrou em contacto com a GNR.
 
Em declarações à comunicação social, Inácio Esperança, Presidente da Junta de Freguesia de Pardais, referiu que os detidos “foram apanhados em flagrante delito a cortarem os cabos entre Alandroal e Pardais”. Segundo o autarca, “os indivíduos foram detidos junto à Estrada Nacional 255”.
 
Inácio Esperança diz desconhecer de onde são os infractores, apenas esperando que a justiça tenha “mão pesada para estes senhores”.
 
Ainda segundo o edil, “o responsável da MEO no distrito de Évora já apresentou queixa” até porque “já aconteceram roubos de cabos em Orada, Nora e na zona de Juromenha”.
 
Constituídos arguidos, os detidos serão presentes amanhã, dia 10 de Novembro, ao Tribunal Judicial de Redondo.
Modificado em domingo, 22 novembro 2020 11:46

Deixe um comentário