terça, 11 agosto 2020
sexta, 27 dezembro 2019 12:49

Violência doméstica vale prisão preventiva a homem de 29 anos

Escrito por
o detido foi presente ontem, dia 26 de Dezembro, no Tribunal de Judicial de Redondo o detido foi presente ontem, dia 26 de Dezembro, no Tribunal de Judicial de Redondo DR
No concelho de Redondo, e através do Núcleo de Investigação e de Apoio a Vítimas Específicas (NIAVE), o Comando Territorial de Évora da Guarda Nacional Republicana (GNR), deteve no passado dia 24 de Dezembro, um homem de 29 anos, pelo crime de violência doméstica.
 
Segundo foi adiantado, em comunicado, pela força de segurança, esta detenção surge “na sequência de um processo de violência doméstica, onde o suspeito agredia, física e psicologicamente, a sua ex-companheira, uma mulher de 34 anos”, tendo sido cumprido “um mandado de detenção por incumprimento das medidas de coação que tinham sido decretadas anteriormente”.
 
Ao que o Ardina do Alentejo conseguiu apurar, o homem já tinha sido detido e presente a tribunal mas incumpriu as medidas de coação que lhe tinham sido decretadas, nomeadamente, a proibição de contactos com a vítima.
 
Ainda segundo a GNR, o detido foi presente ontem, dia 26 de Dezembro, no Tribunal de Judicial de Redondo, onde lhe foi aplicada a medida de coação de prisão preventiva.
 
Modificado em sexta, 27 dezembro 2019 13:03

Deixe um comentário