terça, 10 dezembro 2019
quinta, 07 novembro 2019 00:46

Vinho produzido em Arraiolos entre os melhores 100 do mundo

Escrito por
A distinção na categoria Cellar Selection da Wine Enthusiast totalizou seis vinhos nacionais A distinção na categoria Cellar Selection da Wine Enthusiast totalizou seis vinhos nacionais DR
A Wine Enthusiast, revista de referência global no sector vitivinícola, destaca o Ravasqueira Vinha das Romãs entre os 100 melhores vinhos de 2019, em todo o mundo. O Vinha das Romãs, colheita de 2015, foi classificado com 94 pontos, ocupando a posição número 40 do ranking dos imperdíveis do ano, reconhecidos pela sua qualidade incontornável. Este vinho, que apresenta grande potencial de evolução em garrafa, é o único vinho alentejano na lista, reforçando o seu posicionamento como ícone da região e um dos melhores vinhos nacionais.
 
Conseguindo, nos últimos cinco anos, pontuações de 93 e 94 pontos na Wine Enthusiast, o Ravasqueira Vinha das Romãs já esteve entre os melhores do ano em 2016, com a colheita de 2014, vindo agora a colheita de 2015 confirmar que este vinho é um must have nas mais exigentes garrafeiras.
 
A distinção na categoria Cellar Selection da Wine Enthusiast totalizou seis vinhos nacionais, sendo três deles vinhos do Porto.
 
Esta lista pretende apoiar o consumidor na selecção das garrafas mais especiais do ano, lançando as 100 sugestões mais relevantes. 
 
Roger Voss, jornalista e autor internacional no sector dos vinhos e responsável pelas reviews dos vinhos portugueses na Wine Enthusiast, considera que no Vinha das Romãs “esta mistura de Touriga Franca e Syrah torna-o um vinho único, imensamente estruturado e tânico, de uma só vinha. Tem poder e é rico em frutos pretos, com um perfume delicado e várias camadas de especiarias. O álcool deste vinho é leve, refrescado pela acidez que eleva o seu acabamento. A beber em 2022”.
 
O Vinha das Romãs é o resultado de uma história que teve início em 2002 quando, o local onde se encontrava um pomar de romãs, deu lugar à plantação de uma vinha. Ao longo dos anos a vinha foi-se enraizando e deu origem a um vinho com uma estrutura muito particular. Foi apenas quando se estudou o solo em pormenor que se descobriu a origem da sua personalidade e estrutura. As raízes das videiras da Vinha das Romãs encontravam-se entrelaçadas com as raízes das romãs que ali ficaram a enriquecer o solo. O que sobrou das raízes das romãs tonaram esta vinha única. É desta forma que este single vineyard se distingue, tendo adotado o nome da vinha de onde provém.
 
Quase 20 anos depois da sua plantação, esta vinha dá origem a um dos vinhos mais consensuais e consagrados produzidos no Monte da Ravasqueira. Com um estágio longo em barricas de carvalho francês, este vinho evidencia a elegância das castas Syrah e Touriga Franca, em diferentes percentagens de ano para ano e provenientes de pequenas zonas de uma área de cinco hectares.
Modificado em quinta, 07 novembro 2019 01:40

Deixe um comentário