quinta, 22 outubro 2020
terça, 05 setembro 2017 16:30

ÚLTIMA HORA - Évora Shopping já tem data de inauguração

Escrito por
Centro Comercial representa um investimento de mais 35 milhões de euros Centro Comercial representa um investimento de mais 35 milhões de euros DR
O centro comercial Évora Shopping, espaço que representa um investimento de mais 35 milhões de euros e que está a ser construído na periferia da capital do Alto Alentejo, já tem data de inauguração.
 
Segundo conseguimos apurar, o dia 16 de Novembro foi a data escolhida pela Ares Capital, empresa detentora do projecto.
 
Segundo Maximilian Herget, o centro comercial vai ter “cerca de 70 lojas” e “cinco salas de cinema”, para além de supermercado, zona de restauração e estacionamentos. O director de investimentos da Ares Capital adiantou já estar assegurada “a operadora de cinema que é líder em Portugal”.
 
Acrescentou ainda ter havido “um bom progresso em relação às lojas mais pequenas, tanto com empresas locais, como nacionais e internacionais” e as lojas de média dimensão, com uma área que ronda os 400 a 500 metros quadrados, têm tido “muita procura”.
 
O Évora Shopping, que pertencia à EVRET - Investimentos e Projectos Imobiliários, SA, uma “joint-venture” entre a Imorendimento e a Madford Developments, começou a ser construído em 2011 e estava previsto abrir em 2013, mas as obras estiveram paradas mais de dois anos, tendo o projeto passado para as “mãos” do Novo Banco.
 
No ano passado, em Março, a Ares Capital, uma empresa privada detida por uma família do Dubai e que investe no sector imobiliário, comprou o centro comercial ao Novo Banco, para concluir o projecto, e as obras foram retomadas em Junho de 2016. 
 
Não tem sido um ‘passeio no parque’ e nunca ninguém esperou que fosse fácil, mas, ainda assim, estou muito satisfeito e acho que vamos conseguir criar um ‘mix’ equilibrado de retalhistas, que vá ao encontro dos grupos-alvo e dos gostos regionais e nacionais”, argumentou Maximilian Herget. 
 
Com uma área de construção de 20 mil metros quadrados, dos quais 16.400 são área bruta locável, em dois pisos, o centro comercial quer chegar a um universo de cerca de 300 mil pessoas: “Queremos servir o Alentejo e atrair alguns clientes espanhóis”, assumiu Maximilian Herget.
 
c/ LUSA
Modificado em terça, 05 setembro 2017 19:07

Deixe um comentário