sexta, 13 dezembro 2019
quinta, 29 outubro 2015 02:03

Projecto de turismo solidário nasce na Serra da Estrela

Escrito por
Projecto pretende oferecer aos turistas o melhor de dois mundos Projecto pretende oferecer aos turistas o melhor de dois mundos DR
No dia de ontem, quarta-feira, foi anunciado um projecto de turismo solidário para a região da Serra da Estrela, que será elaborado pela Associação para o Desenvolvimento Integrado da Rede das Aldeias de Montanha (ADIRAM), com sede em Seia.
 
Célia Gonçalves, coordenadora técnica da Rede das Aldeias de Montanha, afirmou que a ideia de assumir as aldeias de montanha como “destino de turismo solidário” constituiu “uma aposta inédita a nível nacional”.
 
Em declarações à Lusa, a responsável adiantou que o projecto, que contará com a consultoria do Grupo de Estudos Ambientais da Universidade Católica Portuguesa, pretende oferecer aos turistas “o melhor de dois mundos”, ou seja, “um turismo de qualidade, com paisagens deslumbrantes, natureza autêntica e pessoas genuínas”.
 
Célia Gonçalves acrescenta que os turistas terão a possibilidade de “fazer a diferença, participando activamente no desenvolvimento dos territórios de baixa densidade”. A responsável explica ainda que esta oferta se destina a turistas “que buscam mais do que aventura, mas também a empresas com políticas de responsabilidade social, das quais se espera um compromisso de longo prazo com a região”.
 
De notar que já foi realizado um diagnóstico que estudou dinâmicas a nível internacional, nacional, regional e local, seguindo-se a fase de envolvimento dos agentes locais, a definição do modelo de negócio, a implementação de um projecto-piloto, a criação do portfólio de produtos e a definição da estratégia de continuidade.
 
Para além de tudo isso, no próximo dia 6 de Novembro, para as instalações do Centro de Interpretação da Serra da Estrela, em Seia, está marcada uma primeira reunião, onde os promotores irão “auscultar algumas necessidades e mapear tipologias de projecto” para apresentar posteriormente às empresas e aos interessados naquele tipo de turismo, informa a responsável.
 
c/ Publituris
 
Modificado em quinta, 29 outubro 2015 02:32

Deixe um comentário