segunda, 27 maio 2019
A decisão foi tomada por unanimidade, durante a última reunião do executivo da Câmara Municipal de Estremoz, realizada no Salão Nobre dos Paços do Concelho, na passada quarta-feira, dia 17 de Abril.
 
Considerando o valor patrimonial, histórico e artístico de que se reveste o imóvel, a Câmara Municipal de Estremoz determinou a abertura do procedimento de classificação da Igreja do Convento de Nossa Senhora da Consolação, também conhecido como Convento dos Agostinhos, sito no Largo do Espírito Santo, em Estremoz, na categoria de Monumento de Interesse Municipal.
 
Igreja do Convento de Nossa Senhora da Consolação
Quando em 1669 o príncipe regente D. Pedro autoriza a fundação de um convento da Ordem dos Agostinhos Descalços em Estremoz, tem início um processo moroso e algo difícil para a implantação da ordem. Sabe-se que, os comummente designados, Agostinhos chegam a Estremoz em 1671 e que terão tido algumas dificuldades até encontrarem o local para se sediarem, em dependências da Irmandade do Espírito Santo.
 
Apesar das obras de melhoramento levadas a cabo pela mesma Irmandade, é só nos inícios do século XVIII que o edifício é alvo de grandes e benéficos trabalhos arquitectónicos, durante o final do reinado de D. Pedro II mas sobretudo, durante o reinado do Rei Magnânimo, D. João V.
 
No exterior, destaca-se a sóbria fachada da igreja e do convento, de uma arquitectura barroca de inícios de Setecentos. Ainda na fachada da igreja, são de assinalar os dois anjos a venerar a cruz, bem como o cronograma sobre o portal indicando a data de conclusão da igreja, 1719.
 
O seu interior encerra um conjunto artístico fenomenal, constituindo um dos mais importantes edifícios barrocos existentes no concelho de Estremoz merecedor de um reconhecimento geral dessa importância. Assim, seria justo destacar todo o edifício, no entanto do ponto de vista artístico, a igreja possui sem dúvida nenhuma uma importância evidente. Seja pela beleza dos retábulos dos altares, dos painéis de azulejos atribuídos a António de Oliveira Bernardes (um dos pintores mais conhecidos do período barroco), do órgão joanino em talha dourada e amosaicada, os diversos conjuntos de azulejos de “figura avulsa” das diferentes salas do convento.
Modificado em sexta, 19 abril 2019 13:58
Após uma reunião que decorreu no Ministério do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, e que durou sensivelmente 10 horas, está terminada a greve decretada pelo Sindicato Nacional de Motoristas de Matérias Perigosas (SNMMP).
 
Finda a greve, a vida como que volta à normalidade, ainda que de uma forma gradual, ou melhor, os combustíveis regressam aos tanques.
 
O Intermarché de Estremoz recebeu, há poucos instantes, o primeiro camião de transporte de combustível a chegar à cidade branca do Alentejo, após a greve.
 
Segundo Pedro Esperança, gerente da loja estremocense do Intermarché, o camião, propriedade da TIEL, transportou até Estremoza quantidade necessária, de todos os produtos petrolíferos, para que os stocks das bombas de combustível do Intermarché de Estremoz sejam repostos”.
Modificado em quinta, 18 abril 2019 16:29
Até ao próximo dia 21 de Abril, Domingo de Páscoa, celebra-se em Estremoz, a Semana Santa, celebrações essas que tiveram início no passado dia 14, com as celebrações alusivas ao Domingo de Ramos.
 
Ao que o Ardina do Alentejo conseguiu apurar, as cerimónias do Tríduo Pascal, decorrem na Igreja de São Francisco, na Paróquia de Santo André.
 
Hoje, Quinta-feira Santa, 18 de Abril, tem lugar pelas 21 horas, a Celebração Vespertina da Ceia do Senhor, com a Cerimónia do Lava-pés, e a Recordação da instituição da Eucaristia, do Sacerdócio, e do mandamento novo do amor. Às 22.30 horas, na Capela do Senhor dos Passos, acontece a Adoração do Santíssimo Sacramento.
  
Na Sexta-feira Santa, 19 de Abril, pelas 14.30 horas, realiza-se a Via Sacra. Às 15 horas, terá lugar a Celebração da Liturgia da Palavra, com a Escuta da Palavra, a Adoração da Cruz e a Comunhão. Quando forem 21 horas, acontece uma das mais marcantes e emblemáticas cerimónias da Semana Santa, em Estremoz, a Descida do Senhor da Cruz e a Procissão do Enterro do Senhor, que se realiza da Igreja de São Francisco para a Igreja de Santa Maria, com passagem pelas principais artérias da cidade estremocense.
 
No dia 20 de Abril, Sábado Santo, realiza-se às 21 horas, a Celebração da Ceia Pascal, com Benção do Lume Novo e dos círios pascais, Anúncio Solene da Páscoa, Proclamação da Palavra de Deus, Benção da Água Baptismal e Eucaristia.
 
No dia 21, Domingo de Páscoa, celebra-se em ambas as paróquias, Paróquia de Santo André e Paróquia de Santa Maria, pelas 11 horas, a Celebração de Baptismos, e pelas  12 horas, a Missa da Ressurreição do Senhor, que contará com a já tradicional distribuição das amêndoas da Páscoa.
 
SEMANA SANTA EM VEIROS
 
Numa organização da Santa Casa da Misericórdia de Veiros, comemora-se naquela freguesia do concelho estremocense, a Semana Santa.
 
Hoje, Quinta-feira Santa, 18 de Abril, tem lugar na Igreja Matriz de Veiros, pelas 19 horas, a Celebração da Última Ceia de Jesus. Às 21.30 horas, acontece a Procissão do Senhor Jesus dos Passos.
  
Na Sexta-feira Santa, 19 de Abril, pelas 15 horas, realiza-se a Via Sacra. Às 16 horas, terá lugar a  Adoração da Cruz, e às 21.30 horas, realiza-se a Procissão do Enterro do Senhor, com passagem pelas principais artérias da freguesia estremocense.
 
No dia 20 de Abril, Sábado Santo, realiza-se às 20 horas, a Vigília Pascal.
 
No dia 21, Domingo de Páscoa, pelas 11.30 horas, acontece a Procissão do Senhor  Ressuscitado, seguido da Missa da Ressurreição.
Modificado em quinta, 18 abril 2019 16:56
Ardina do Alentejo entrou em contacto com todos os postos de abastecimento de combustíveis na cidade de Estremoz, tendo como objectivo saber quais as reservas disponíveis em termos de combustíveis, em cada uma das superfícies comerciais. E é este o ponto de situação na cidade branca do Alentejo, às 19:30 horas desta quarta-feira, dia 17 de Abril:
 
BP – Zona Industrial – Ainda disponível Gasolina 95 e Gasolina 98;
Samor – Rossio Marquês de Pombal – Posto encerrado para abastecimento de combustível desde as 12 horas;
Repsol – Rossio Marquês de Pombal – Ainda disponível, mas praticamente em ruptura de stock, Gasolina 95 e Gasóleo Simples;
Repsol – Zona Industrial – Apenas disponível Gasolina 98;
Intermarché – Zona Industrial – Ainda disponível todos os tipos de combustíveis, mas na eminência de ruptura de stock;
Pingo Doce (PRIO) – Ainda disponível Gasolina 95. Gasóleo apenas para veículos de emergência;
Galp – Estrada Nacional 4 – Disponível cerca de 5 mil litros de Gasóleo Evologic e sensivelmente 5 mil litros entre os dois tipos de gasolina, a de 95 octanas e a de 98 octanas. Este posto de combustível tem ainda disponível aproximadamente 27 mil litros destinados para os vários veículos afectos à Protecção Civil.
Modificado em quarta, 17 abril 2019 19:56

Acidente provoca um ferido na EN18

quarta, 17 abril 2019 16:57
Segundo informações recolhidas pelo Ardina do Alentejo junto de fonte dos bombeiros, um aparatoso acidente, envolvendo um veículo ligeiro que circulava no sentido ÉvoraEstremoz, ocorrido na Estrada Nacional 18 (EN18), à saída de Évora Monte, provocou um ferido ligeiro.
 
O alerta para este acidente, que provocou o capotamento do veículo, foi dado às 15:58 horas. Segundo fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Évora, o sinistrado, um homem com cerca de 46 anos, foi conduzido ao Hospital do Espírito Santo, em Évora.
 
No local, a prestar socorro à vítima, único ocupante do veículo ligeiro, estiveram quatro elementos dos Bombeiros Voluntários de Estremoz, auxiliados por duas viaturas.
 
Este acidente provocou o condicionamento da estrada, tendo a mesma estado cortada numa faixa de rodagem durante cerca de uma hora.
 
A precipitação que se fazia sentir no momento do despiste e o piso molhado poderão estar nas causas deste acidente, que já está a ser investigado por elementos do Núcleo de Investigação de Acidentes de Viação (NIAV) do Destacamento de Trânsito de Évora da Guarda Nacional Republicana (GNR), que tomaram conta da ocorrência.
 
Modificado em quarta, 17 abril 2019 17:42
Em comunicado enviado à nossa redacção, a Câmara Municipal de Estremoz informa que, "na sequência das deliberações tomadas pela Comissão Municipal de Trânsito e posteriormente ratificadas em reunião de Câmara, procedeu-se a alterações de trânsito na zona da Avenida Rainha Santa Isabel, tendo já sido colocada a nova sinalização nos arruamentos a seguir designados:
- no arruamento do lado sul da antiga Estação de Caminhos de Ferro (troço compreendido entre a Avenida 9 de Abril e a Avenida Rainha Santa Isabel) o trânsito passa a efectuar-se em sentido poente-nascente, ou seja, da Avenida 9 de Abril para a Avenida Rainha Santa Isabel;
 
- no arruamento do lado norte da antiga Estação de Caminhos de Ferro (Rua Mestre Rogério Ribeiro), o trânsito passa a efectuar-se em sentido nascente-poente, ou seja, da Avenida Rainha Santa Isabel para a Avenida 9 de Abril;
 
- no arruamento do lado norte da estação rodoviária (Rua Mestre Rogério Ribeiro), o trânsito passa a efectuar-se em sentido poente-nascente, ou seja, da Avenida Rainha Santa Isabel para a Zona Industrial;
 
- no arruamento paralelo à Rua Mestre Rogério Ribeiro, o trânsito passa a efectuar-se em sentido nascente-poente, ou seja, da Zona Industrial para a Avenida Rainha Santa Isabel".
 
Ao que o Ardina do Alentejo conseguiu apurar estas alterações de trânsito surgem na sequência dos inúmeros acidentes ocorridos naquela artéria da cidade branca do Alentejo e têm como principal objectivo a eliminação da sinistralidade rodoviária naquela zona da cidade.
 
Modificado em terça, 16 abril 2019 12:58
A partir do Verão de 2020, o concelho de Estremoz vai ter praia.
 
Aproveitando o espelho de água criado pela Barragem de Veiros, e à semelhança do que alguns concelhos abrangidos pela Barragem do Alqueva fizeram, criando praias fluviais que se revelaram um verdadeiro sucesso, não só pela quantidade de visitantes mas também pela qualidade das mesmas, a Junta de Freguesia de Veiros decidiu implantar numa margem da barragem estremocense, uma praia fluvial.
 
A notícia foi avançada ao Ardina do Alentejo por Domingos Cunha, Presidente da Junta de Freguesia de Veiros, que nos adiantou que “as obras, nomeadamente os trabalhos de terraplanagem e limpeza do terreno, vão começar em breve”. Segundo o autarca veirense, o projecto da Praia Fluvial de Veiros envolve um investimento de cerca de 250 mil euros, financiado a 90% pelo programa Valorizar, do Turismo de Portugal, ao qual se acresce uma verba superior a 50 mil euros para arranjos da zona envolvente.
 
O autarca espera que os trabalhos fiquem concluídos a tempo da época balnear de 2020.
 
Domingos Cunha referiu que, após as terraplanagens e limpeza do terreno, as obras incluem a colocação de areia, a criação das infraestruturas de electricidade e água e a instalação de equipamentos de apoio.
 
O autarca assinalou ainda que a praia "vai ter um bar, casas de banho, equipamento de apoio para os nadadores-salvadores e os chamados apoios de praia", assim como "uma piscina flutuante para crianças".
 
Para a zona envolvente à praia, está projectada a instalação de uma zona de merendas, um parque infantil, uma zona relvada com sombreamentos e um parque de estacionamento. 
 
Domingos Cunha adiantou ainda ao nosso portal que “a localização da futura Praia Fluvial de Veiros permitirá inclusivé a realização de eventos durante todo o ano, quer sejam eles de âmbito náutico ou de características musicais”.
Modificado em terça, 02 abril 2019 02:47
Através de nota de imprensa enviada às redacções, o Município de Estremoz informa que, “através do Museu Municipal Professor Joaquim Vermelho e em parceria com a Direcção Regional de Cultura do Alentejo”, deu início ao procedimento de classificação da Anta da Herdade das Entre Águas, pertencente à freguesia da Glória, como monumento de interesse público. O respectivo diploma foi publicado em Diário da República, no passado dia 18 de Março.
 
Pertencente ao núcleo de Antas da Serra d’Ossa, localizado na freguesia de Glória, a Anta da Herdade das Entre Águas é um dos monumentos que se encontra em melhor estado de conservação no concelho estremocense. Situa-se junto do Monte das Entre Águas, perto da zona onde confluem a Ribeira do Canal e a Ribeira da Água Santa, tendo de comprimento cerca de sete metros. Conserva 14 esteios in situ, bem como alguns vestígios da mamoa. 
 
A autarquia salienta ainda que se encontra “em fase avançada de estudo, para posterior pedido de classificação, a Anta da Herdade das Casas do Canal 1, 2 e 3, Anta da Herdade das Casas do Canal 5 ou Alto do Seixo, Anta das Palhas 1 ou Vale do Milho, Anta das Palhas 3 ou Foro da Cerca, Anta da Talisca e Anta da Corticeira”.
 
Para além destes procedimentos de classificação, o Município adianta que está a desenvolver “uma série de processos de Valorização e Salvaguarda relativamente ao Património Megalítico do concelho, com o objectivo de proceder à sua preservação no terreno e rentabilização cultural e turística, nomeadamente por intermédio da realização de percursos pedestres e acções educativas”.
 
O comunicado termina dizendo que “neste momento já é possível às escolas participarem em acções educativas desenvolvidas pelo Museu Municipal, relativamente ao Património Megalítico da freguesia de Glória, bastando para tal contactar o Serviço Educativo. Para breve está a inclusão deste património em roteiros regionais, através de parceria entre o Município de Estremoz e a Entidade Regional de Turismo do Alentejo e Ribatejo”.
Modificado em sexta, 22 março 2019 12:04
Já alguma vez ouviu falar em TED Talk? Sabe o que é? O Ardina do Alentejo explica-lhe tudo…
 
A TED é uma organização sem fins lucrativos dedicada a disseminar ideias, através de conversas curtas e poderosas, de 18 minutos ou menos. Teve início em 1984 como uma conferência em que Tecnologia, Entretenimento e Design convergiam. Porém, hoje abrange quase todos os tópicos , desde ciência a negócios, passando por questões globais, em mais de 100 idiomas.
 
TED significa Tecnologia, Entretenimento, Design – três áreas abrangentes que estão a moldar colectivamente o nosso mundo. Mas, uma conferência TED é ainda mais ampla, mostrando ideias importantes de qualquer disciplina e explorando a forma como elas estão interligadas.
 
E o sonho de fazer um TED Talk levou que uma estremocense esteja a participar num concurso que lhe poderá valer o prémio de protagonizar a sua própria conferência.
 
Ana Beatriz Basílio tem 19 anos e estuda Ciência Política no Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas da Universidade de Lisboa. Depois de ultrapassadas duas fases, Beatriz Basílio está muito perto de atingir o seu objectivo de pisar o palco da Reitoria da Universidade de Lisboa, no TEDx ULisboa.
 
Ardina do Alentejo esteve à conversa com a Beatriz, que nos explicou mais sobre este fenómeno de visualizações no You Tube e de como surgiu a sua ideia de participação. Só para nós, a Ana levantou um pouquinho da ponta do véu sobre a sua conferência.
 
Ardina do Alentejo - Para quem não está familiarizado com este fenómeno, o que é o TEDx ULisboa? 
Ana Beatriz Basílio (ABB) - O TEDx ULisboa é a experiência TEDx oficial da Universidade de Lisboa. O seu objectivo é guiar as comunidades científicas e académicas de Lisboa pela sociedade actual, ajudar os alunos e promover o pensamento crítico. O TEDx ULisboa é um palco onde várias pessoas partilham as suas ideias, desde assuntos científicos ou humanitários até histórias de vida inspiradoras. 
 
Ardina do Alentejo - Como é que surgiu esta ideia de concorreres? 
ABB - Desde muito pequena que sempre quis fazer um TED Talk. Passava imenso tempo no YouTube a vê-los e agora surgiu a oportunidade de ir realizar um! Decidi concorrer assim numa espécie de brincadeira, mas quando vi que tinha conseguido passar para a segunda fase e tive a oportunidade de apresentar a minha ideia ao júri comecei a levar a situação mais a sério e dedicar-me ao máximo. Agora encontro-me na terceira fase, a fase da votação online e preciso da ajuda de todos para conseguir concretizar um sonho! 
 
Ardina do Alentejo - E o tema da tua conferência será... 
ABB - Sobre o meu tema ainda não posso revelar muito! Posso dizer que é um tema muito actual! Vou falar sobre "rótulos", "armários" e "a importância de sermos nós próprios", mas se querem saber mais, votem em mim, para no dia 4 de Maio conseguir estar no palco da Reitoria da Universidade de Lisboa!
 
E para votar na Ana Beatriz Basílio basta colocar um gosto na página do Tedx Ulisboa, através do link https://www.facebook.com/tedxulisboa/ e no vídeo da estremocense, que se encontra em https://www.facebook.com/155296294657407/posts/1009373935916301/.
 
Apenas colocando os dois gostos, os votos são válidos. A votação termina às 23:59 do próximo dia 17 de Março, domingo.
Modificado em terça, 12 março 2019 22:58