terça, 16 agosto 2022
segunda, 13 junho 2022 12:47

Veteranos do CF Estremoz alcançam terceiro lugar no Campeonato Nacional Masters +35

Escrito por
Clube estremocense alcançou duas vitórias, um empate e uma derrota ao longo da competição Clube estremocense alcançou duas vitórias, um empate e uma derrota ao longo da competição DR

A equipa de hóquei em patins Masters +35 do Clube Futebol de Estremoz alcançou um histórico e honroso terceiro lugar na Final 8 de apuramento do Campeão Nacional, competição que se realizou em Santa Cita, no concelho de Tomar, nos passados dias 10 e 11 de Junho.
 
A equipa encarnada ficou integrada no grupo A, com as equipas do SC Leiria e Marrazes, do CRPF Lavra e do SL Benfica.
 
Os “veteranos” do CF Estremoz venceram o primeiro encontro, diante do SC Leiria e Marrazes, por 3-1, com os golos estremocenses a serem obtidos por Jorge Balbino e Flávio Silva (2). Na segunda jornada da prova, o conjunto encarnado e negro empatou a duas bolas com o CRPF Lavra, de Matosinhos, tendo os tentos do CFE sido marcados por João Mata e Jorge Balbino. Na terceira e última ronda, os atletas estremocenses defrontaram o SL Benfica, tendo perdido por 6-1, com o golo estremocense a ser apontado por Rui Mata.
 
Com uma vitória, um empate e uma derrota, o CF Estremoz alcançou quatro pontos, tendo-se classificado em segundo lugar de um grupo que foi vencido pelo SL Benfica, que alcançou o pleno de vitórias: 3 jogos, 3 vitórias, 9 pontos.
 
Com este segundo lugar no grupo A, os “veteranos” do CF Estremoz ganharam o direito a disputar o encontro para atribuição do 3º e 4º lugar da Final 8, diante o 2º classificado do grupo B, a equipa do SC Torres.
 
No último jogo dos encarnados e negros nesta competição, o CF Estremoz venceu o SC Torres por 3-2, com os golos estremocenses a serem apontados por João Mata, Rui Mata e Jorge Balbino, alcançando assim o terceiro lugar na prova, obtendo a medalha de bronze e o título de terceira melhor equipa nacional no escalão Masters +35.
 
O Campeão Nacional Masters +35 de hóquei em patins foi desvendado após a final que se realizou entre o SL Benfica, vencedor do grupo A, e o OC Barcelos, vencedor do grupo B. O conjunto encarnado, que jogou com os outrora Campeões do Mundo Filipe Gaidão, Vítor Fortunato, Ricardo Pereira ou Luís Ferreira, venceu a competição depois de bater a formação do Minho, por 2-1.
 
Os atletas que representaram o CF Estremoz nesta Final 8 foram: Dinis Pacheco, Leonardo Oliveira, Luís Mendeiros, Joaquim Serra, João Mata, Rui Mata, Jorge Balbino, Flávio Silva, António Compõete e Ricardo Nascimento. António Batista, que se encontra lesionado, e Jorge Pereira, que não se encontrava inscrito, também marcaram presença no Pavilhão do ACR Santa Cita. A falta de inscrição, as lesões ou as actividades profissionais diversas impossibilitaram ainda que Vasco Quadrado, Pedro Pimenta, Luís SádioNuno Sardo, Joaquim Martins e André Lopes, outros elementos do plantel estremocense Masters +35, marcassem presença na Final 8 do Campeonato Nacional de Masters. António Pacheco vestiu a "pele" de Seccionista e Delegado dos Masters do CF Estremoz ao longo da época 2021/2022.    
 
Joaquim Serra, o atleta mais velho em prova (67 anos) e um dos grandes impulsionadores do escalão Masters +35 no CF Estremoz, foi quem levantou o troféu entregue ao clube estremocense.
 
Este desempenho veio coroar uma época em que a equipa encarnada e negra já tinha chegado às meias-finais da Taça de Portugal, depois de eliminar o HC Vasco da Gama, a AA Espinho e o Famalicense, tendo perdido nessa fase da competição pelo SC Leiria e Marrazes, equipa que viria a derrotar na Final 8.
Modificado em segunda, 13 junho 2022 15:46

Deixe um comentário