segunda, 24 setembro 2018

A Revista à Portuguesa está de regresso ao Teatro Bernardim Ribeiro, em Estremoz

Escrito por  Publicado em Cultura terça, 11 setembro 2018 03:21
Um luxuoso guarda-roupa e atractivas projecções conferem a “Que Grande Caldeirada!” o luxo habitual da revista à portuguesa Um luxuoso guarda-roupa e atractivas projecções conferem a “Que Grande Caldeirada!” o luxo habitual da revista à portuguesa Jorge Azevedo
E a Revista à Portuguesa está de volta ao Teatro Bernardim Ribeiro. No próximo Sábado, dia 15 de Setembro, pelas 21:30 horas, o mais popular e satírico género teatral marca presença na emblemática sala de espectáculos estremocense, com "Que Grande Caldeirada!".
 
Após o grande êxito nacional “Ol(h)á Florbela!”, a Sonhos em Cena traz até Estremoz a revista à portuguesa "Que Grande Caldeirada"!, que recupera os grandes êxitos do teatro de revista em junção com novos quadros. São assim aliados, números intemporais com a crítica actual e acutilante da revista à portuguesa, servida com um elenco de jovens valores comandados por Florbela Queiroz.
 
É no palco que os artistas devem estar” tem referido muitas vezes Florbela Queiroz. Com energia e entrega, a veterana actriz recriará nesta nova revista números de grande êxito da sua carreira, como a “Neta de Florbela” ou a “Senhora das Pulseiras”. E é nos palcos que se manterá ao lado de um elenco que conta com a experiente Isabel Damatta, que irá interpretar uma divertida e nova rábula intitulada “Pesadelo na Cozinha”, Sara Inês, que se confirma como grande actriz de revista no quadro “As Escolhas de Matilde”, a escultural Raquel Caneca, que se desdobra nas funções de actriz e de cantora, a grande revelação Gonçalo Brandão, que se afirma na rábula “Lição de Culinária” e Ricardo Miguel, que se junta à companhia com destaque para o número sério “O País do Joaquim”.
 
Um luxuoso guarda-roupa e atractivas projecções conferem a “Que Grande Caldeirada!” o luxo habitual da revista à portuguesa. “Que Grande Caldeirada!” apresenta textos de grandes autores, como César de Oliveira, Francisco Nicholson e Isabel Damatta, bem como textos originais de Renato Pino. A música está a cargo do Maestro Carlos Dionísio.
 
Esta iniciativa é uma organização da dupla João Batista e Ricardo Miguel, e que conta com o apoio da Câmara Municipal de Estremoz, sendo o preço dos bilhetes de 12,50€ para a plateia e para o 1.º balcão e de 10€ para as frisas e camarotes.
 
Para mais informações e reserva de bilhetes, devem os interessados contactar o Teatro Bernardim Ribeiro, através do telefone 268339222, os Serviços Culturais da Câmara Municipal de Estremoz, pelo 268339216 ou pelo mail Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar. ou ainda o Posto de Turismo, através do 268339227.

Deixe um comentário